Chegou a vez do PSDB!!

11 de junho de 2018

Autor: Gilaelson

Nada melhor que o tempo para aferir realidades! Nesta semana, a Polícia Federal divulgou um laudo em que o ex-presidente Fernando Henrique aparece como uma prostituta pedindo dinheiro a Marcelo Odebrecht, em 2010, para campanhas de dois candidatos do seu partido. Os pedidos ocorreram por e-mails, os quais foram apagados do HD de Marcelo. Mas, como falei em comentários anteriores, os supercomputadores da PF estão preparados para recuperar, rastrear, e descriptografar as mais complexas passwords já criadas.

Acostumado a dar entrevista com suas pernas cruzadas e jeito sereno, FHC escondia, por trás de sua aparente tranquilidade, o mesmo esquema praticado pelo PT e MDB, ou seja, a propina em troca de contratos bilionários, a qual nutriu um sistema que afundou o Brasil. Ainda segundo a PF, FHC pediu, por meio do seu e-mail pessoal, contribuição financeira para as campanhas de Antero Paes de Barros e Flexa Ribeiro, ambos tucanos. Na escrita digital, intitulada de “pedido” FHC disse: “O candidato ao senado pelo PSDB, Antero Paes de Barros, ainda está em segundo lugar, porém a pressão do governismo, ancorada em muitos recursos, está fortíssima. Seria possível ajudá-lo? Envio abaixo os dados bancários”, escreve FHC.

Amigos ouvintes e leitores,

Uma semana depois de enviar esse e-mail, FHC enviou outro, a uma semana das eleições, dessa vez intitulado “O de sempre”. Este último foi para saber se o pedido anterior já teria sido contemplado. Só que, com esse titulo de e-mail, que parece ser uma espécie de código, o ex presidente está dizendo que é freguês da Odebrechte que nesse mato tem outros coelhos. Fernando Henrique já fez mea-culpa do ocorrido, quando disse que pode até ter pedido a “ajuda”, mas disse também que não há nada de errado. Porém, todos sabem que esse é o argumento de praticamente todos que mamavam na Odebrecht.

E, para quem defende os partidos atuais, com suas ideologias fantasmas, é bom saber que no Brasil não existe nem esquerda e nem direita, o que existe são siglas de mãos dadas, atrás das cortinas verde-amarelas, roubando e emperrando o desenvolvimento de toda uma nação. E quanto a nós, só resta olhar para o céu e pedir: S.O.S para
o Brasil, Ó Deus!!!

No Comments

Deixe uma resposta

avatar

Publish

Quando não existe nós dois
5 de junho de 2018
Namorando para ‘sempre’
12 de junho de 2018